Follow by Email

January 29, 2007

BATISMO/BAPTISM -2 January 28, 2006

So if the Son sets you free, you will be free indeed.Then you will know
the truth, and the truth will set you free." John 8:36 and 32.
Querida familia, amigos, amigas e visitantes,
Dear family, friends and visitors,

Glóriaaa! Estou muito feliz pois os meus treis filhos escolheram espontaneamente seguir o nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo. Por saber o que isso significa, eles tambem decidiram cumprir o Seu mandamento e deram o passo decisivo e testemunho da sua fé, sendo batizados em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Que Deus continue abençoando-os, guiando-os e que eles cresçam mais e mais na fé, conhecimento das escrituras, no amor e na obra do Senhor. Para a glória do Seu nome.
Quem quiser ver o vídeo do batismo Clique aqui
Glóriaaaa! I am very happy because my children spontaneously choosed for Jesus.
Following His commandment they get baptized last Sunday 28, 2006.
May God continue blessing them, guiding them; that they grow more and more in faith,
love and knowledge of His word.
If you would like to see the vídeo of the baptism, Click here


Aqui uma mensagem escrita pelo irmão Alex, evangelista de Cristo. Ele também envangelisa através do internet. É sempre muito bom ler o que ele escreve, porisso estou publicando aqui para voces tambem.

QUANDO AS PESSOAS PENSAM QUE SÃO CRISTÃS POR NASCIMENTO.
"Esforçai-vos por entrar pela porta estreita, pois eu vos digo que muitos procurarão entrar e não poderão." (Lucas 13.24)
Muitas pessoas não percebem que a salvação está entre as coisas mais difíceis de se conquistar e manter. Eu não digo isso para desencorajar pessoas que a buscam. Digo isso para alertar as pessoas de que, a menos que elas estejam dispostas a pagar o preço, elas nunca terão a salvação.
Claro que sim. Mas isso significa que todos serão salvos? Pense nisso. A salvação não é o tipo de presente que você recebe, e o põe à mostra em sua sala, como se fosse um belo vaso, por exemplo. A salvação é o tipo de presente que você tem que se esforçar para manter, como uma empresa que você recebe de graça, por exemplo. Imagine se seu pai chegasse para você assim que você completasse 25 anos e dissesse: “Filho, eu estou passando para você esta empresa. Como você sabe, toda a minha vida eu trabalhei duro para que ela chegasse onde está, mas agora eu quero que você assuma a liderança dela. A empresa, os funcionários, os equipamentos, tudo pertence a você. Agora você toma conta dela.”
Eu te pergunto: Este presente é ou não gratuito? Claro que sim. Mas existe um preço anexado a isso. Se você não estiver preparado para trabalhar duro a fim de manter este negócio, você irá perdê-lo. Este é o preço.
O mesmo ocorre com a salvação.
Milhares se enganam pensando serem salvos, quando na verdade, não o são. E é tão fácil ser enganado! Veja algumas das crenças populares, por exemplo. “Todos são filhos de Deus”; “Deus é amor, ele não lançaria ninguém no inferno”; “Boas pessoas vão para o céu e más pessoas vão para o inferno”.
Essas crenças são amplamente aceitas, e eu não me surpreenderia se muitas pessoas na igreja ainda acreditassem nelas.
O Espírito Santo, através do apóstolo Paulo, disse, “Examinai-vos a vós mesmos se realmente estais na fé; provai-vos a vós mesmos.” (2 Cor. 13:5) . É importante que olhemos cuidadosamente para nós mesmos e vejamos se nossa fé é real ou não.
Tenho visto muitas pessoas afirmar serem cristãs somente porque esta é a religião na qual foram criadas. Quando eram crianças, seus pais passaram para elas suas tradições religiosas. Elas freqüentaram a escola dominical, onde aprenderam várias histórias bíblicas… Seus pais diziam constantemente que elas eram cristãs… Então elas cresceram. Foram criadas e educadas de acordo com princípios cristãos. Então, naturalmente, quando alguém pergunta qual a religião dessas pessoas, a resposta vem automaticamente: “Eu sou cristã.”
Mas isso é exatamente o que acontece nos lares de pessoas com diferentes religiões. Pessoas são muçulmanas, budistas, católicas, etc., porque esta era a religião de suas famílias. O que eu quero dizer é o seguinte: Se a pessoa que nasceu em um lar cristão tivesse nascido, por exemplo, em um lar muçulmano, esta pessoa seria muçulmana! Então, seu cristianismo é muito mais o resultado de fatores culturais ou geográficos do que de uma crença real e consciente.
Para que você seja filho de Deus, você tem que nascer d´Ele – não da igreja, ou de seus pais, ou de homens, ou de palavras, mas de Deus.
Você deve se perguntar: “Eu acredito em Jesus porque esta foi a religião que meus pais me deram, ou porque eu acredito que Ele é o Único Deus?”
Ninguém é cristão de nascimento, ou por nascimento. Nos tornamos cristãos quando experimentamos o novo nascimento no coração, através do Espírito do próprio Deus.
Você já teve esta experiência?
A vinda do Senhor Jesus Cristo será gloriosa para os seus servos, mas uma catástrofe incalculável para os que ficarem. Eis que vem o Dia do Senhor, dia cruel, com ira e ardente furor, para converter a terra em assolação e dela destruir os pecadores. (Isaías 13:9)
Reconcilie-se com Deus, entregando a sua vida para Jesus !!!

Que o Senhor lhe abençôe abundantemente.
Evangelista Alexandre Nunes
Here a nice message extracted from Our Daily Bread, link in the column beside.
A THREE-STEP CONVERSION


READ: Acts 2:38-47

Those who gladly received his word were baptized . . . . They continued daily in the apostles’ doctrine. —Acts 2:41-42
Someone has said that a committed Christian undergoes three conversions: "First to Christ, then to the church, and then back to the world."
We see an example in Acts 2 and 8. With their baptism, 3,000 people declared their conversion to Christ (2:41). Then they demonstrated their conversion to the church by devoting themselves to the teaching of the apostles and fellowshiping with other believers. "Having favor with all the people" (2:47) suggests they were also helping others. Later, when persecution scattered them, they "went everywhere preaching the word" (8:4). This was their conversion back to the world.
Conversion is first of all a commitment to Jesus Christ as our Lord and Savior. This brings salvation. But once we know Jesus as our Savior, it is only natural to want to join a fellowship of others who share the same faith. "Lone-ranger" Christians-people who don't want to get involved-tend either to slip back into their old ways or become smug and self-righteous.
Although fellowshiping with other believers is vital, there is more to our responsibility. We need to return to the world with compassion, loving deeds, kind words, and warm smiles. It takes only one conversion to be saved but all three to be what God wants us to be.



Once we receive God's saving grace
New life in Christ has just begun;
Then as we study, serve, and pray,
We'll seek that others may be won.
-D. De Haan

The conversion of a soul is the miracle of a moment; the growth of a saint is the task of a lifetime.
Deus te abençoa!